Pio Cesare Barolo

  • 0

Pio Cesare Barolo

Vinho: Barolo

Região: Piemonte – Barolo

Classificação legal: Barolo D.O.C.G.

Composição de castas: 100% Nebbiolo.

Graduação alcoólica: 14,5%

Características climáticas: Clima temperado continental, com verões quentes e longos invernos frios, e forte manifestação de névoas no outono.

Características do solo: Margas calcárias da época Helvética, mais friável e de coloração bege clara, de baixa fertilidade.

Elaboração: Uvas provenientes principalmente dos vinhedos próprios em Serralunga d’Alba (70%), com pequenas partidas oruindas de fornecedores de longo-prezo em privilegiadas posições de Catiglione Falletto e Monforte d’Alba.

Colheita com duração de três semanas (fim de outono e começo de novembro). Seleção acurada das uvas, com descarte das imperfeitas. Desengace total. Prensagem delicada e fermentação nos tanques de inox em contato com os sólidos, a 25-26ºC, por 25 dias. Nesta fase as remontagens foram freqüentes, mantendo as cascas sempre imersas e em contato com o mosto. Terminada a fermentação alcoólica, procedeu-se a “svinatura”, ou seja, a separação do vinho das parte sólida “vinaccia”. Malotática completa. Trasfega aos barris da carvalho para envelhecimento. Engarrafadmento e manutenção das garrafas nas frias adegas por mais vários meses antes da emissão ao mercado.

Envelhecimento: 42 meses em carvalho, sendo 30% em barricas bordalesas (30% novas, o restante de dois a seis anos) e 70% em “botti”, barris de 2000 a 5000 litros de carvalho francês de Allier de vários anos.

Estimativa de guarda
: 20 anos +.

Caracteristicas organolépticas: Vermelho rubi tendendo ao granada. Grande complexidade olfativa, com compota de amora, ameixas secas, alcaçuz, cravo e violetas, entremeados sobre notas etéreas. Austero, de rara harmonia e eloqüente fim de boca.

Carta de vinho sintética: Grande complexidade, com compota de amora, ameixas secas, alcaçuz, cravo, violetas e notas etéreas. Austero, de rara harmonia.

Diretrizes enogastronômicas:
Risotto com trutas brancas frescas, ossobuco, lebre em salmi, tajarin AL ragù di piccione (massa fininha com muitos ovos, ao ragù de pombo selvagem), Brasato ao Barolo (carne bovina cozida longamente no vinho Barolo com especiarias, legumes aromáticos e ervas).

Temperatura de serviço: 18ºC. Decantação recomendada.

Premiação mais relevante:

1)    Wine Spectator: 95 pontos (safra 1997)

2)    Wine Spectator: 94 pontos (safra 2001)

3)    Wine Spectator: 92 pntos (safra 2003)

4)    Wine Spectator: 945 pontos (safra 2004, 6º colocado na lista dos 100 melhores de 2008).


Leave a Reply